segunda-feira, 21 de abril de 2008

Preview: Três Vezes Amor

(Definitely, Maybe)

O filme Três Vezes Amor é um romance dirigido por Adam Brooks (roteirista de Bridget Jones: No Limite da Razão), que faz a sua estréia na direção de uma fita. A história é sobre Will, um empresário que vive em Manhattan com sua filha, que tenta compreender o motivo pelo qual seus pais estão separados. A dúvida leva seu pai a uma viagem de memórias, pela qual irá relembrar de três grandes paixões. A comédia romântica estreou no dia dos namorados nos Estados Unidos, tem estréia prevista para chegar ao solo brasileiro no dia 25 de abril com uma promessa para um dos romances mais "deliciosos" do ano.


Data de Lançamento EUA: 14 de Fevereiro de 2008

Data De Lançamento Brasil: 25 de Abril de 2008


Direção: Adam Brooks

Elenco: Ryan Reynolds, Rachel Weisz, Elizabeth Banks, Isla Fisher, Abigail Breslin, Derek Luke, Kevin Kline

5 comentários:

Wally disse...

De início, apenas o elenco havia me interessado, com Abigail Breslin, Rachel Weisz e Kevin Kline, mas logo a crítica o recepcionou bem. E quando trata-se de comédias românticas, quando se é bem recebido, pode ter certeza que vale ao menos um olhada. Eu quero ver, parece ser bem simpático.

Seja bem-vinda à comunidade dos blogueiros cinéfilos Mayara!

Ciao!

Mayara Bastos disse...

Muito Obrigada, Wally.

Mayara Bastos disse...

Realmente, "Três Vezes Amor" é um dos romances que espero muito por este ano. Junto com "Dan In Real Life", que é do ano passado, mas chega atrasado e com um nome inútil que me recuso a falar e a nova empreita do George Clooney como diretor, que tbm é um romance.

Alex Gonçalves disse...

Hello, como vai?

Que bom saber que você tem um blog de cinema, li o seu recado no Orkut recentemente. Já adicionei o seu blog na lista de links para visitá-la outras vezes. Não gosto nenhum pouco do filme anterior de Adam Brooks como diretor, sendo ele "Uma História a Três", com a Cameron Diaz. Mas adoro o seu roteiro de "Bridget Jones: No Limite da Razão". Achei o trailer simpático e devo assisti-lo na sua chegada em DVD.

Alex Gonçalves
www.cineresenhas.wordpress.com

Mayara Bastos disse...

Muito obrigada, Alex. E seja Bem-vindo!