terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Melhores de 2008 - Revelação

Voltando ao especial, destacaremos agora as atuações de atores promissores e que irão brilhar as telonas nos próximos anos.


Saoirse Ronan, como Briony Tallis, Desejo e Reparação

A jovem Saoirse fez sua estréia em longas-metragens no papel da filha de Michelle Pfeiffer em Nunca é Tarde para Amar, de Amy Heckerling. Logo depois interpretou o papel que daria o grande destaque a jovem, a adaptação do romance de Ian McEwan, Desejo e Reparação, dirigida por Joe Wright. E justamente com esta película, a jovem conquista com apenas 14 anos de idade sua primeira indicação ao Oscar de atriz coadjuvante no papel de uma pequena escritora que faz levar por sua imaginação e cometer um erro que marcou sua vida e a de muitos envolvidos.


Carice van Houten, como Rachel Stein/Ellis de Vries, A Espiã

Por causa de um trabalho escolar, tive que assistir a este filme de Paul Verhoeven, filme que consegui gostar e aprender um pouco mais sobre a Segunda Guerra Mundial. E o diretor escolheu como protagonista de seu filme, que é considerado por muitos a redenção do diretor depois de algumas derrapadas cinematográficas, uma atriz desconhecidissima do grande público. E Carice mandou bem no papel de uma cantora judia, que sobreviveu a um massacre e passa a espionar para a resistência.


Michael Cera, como Paulie Bleeker, Juno

Michael começou sua carreira na série de comédia Arrested Development. Mas foi em 2007 que começou a investir em sua carreira cinematográfica. Lançou no mesmo ano a comédia Superbad: È Hoje, no papel de um tímido nerd. Mas foi na dramédia Juno, como um tímido corredor que tem que lidar com a gravidez indesejada de sua colega de sala e que também é apaixonado.


Rebecca Hall, como Vicky, Vicky Cristina Barcelona

Conhecemos Rebecca no filme de magia O Grande Truque em que interpreta a esposa do personagem de Christian Bale. Em 2008, se envolveu num certo projeto que Woody Allen estava produzindo na Espanha. O resultado foi que, por opinião pessoal, conseguiu fazer uma boa estréia como protagonista, como uma conservadora mulher, que prestes a casar, decide viajar com sua amiga para Barcelona.


Olivia Thirlby, como Leah, Juno

Assim como Michael Cera, em Juno, podemos destacar também Olivia Thirlby, que interpreta no filme a melhor amiga da protagonista-título. Mesmo com pouco tempo em cena, consegue ofuscar a cena com sua interpretação incorporando uma adolecente meio "amalucada". Esperamos poder ver Olivia em muitos filme e mostrar seu talento.

12 comentários:

Anderson disse...

Oi.
Interessante seu Blog; Tanto as fotos como os textos são ótimos.
Até breve.

Vinícius P. disse...

Muito boa a sua lista de melhor revelação, temos três aqui em comum. E a Olivia Thirlby está ótima em "Juno" mesmo, deveria ter lembrado dela também em minha lista. Abraço!

Mayara Bastos disse...

Anderson, muito obrigado. ;)

Vinícius, obrigado. E a Olivia está ótima em "Juno" mesmo, e poderia também ser reconhecida por nossos colegas. Beijos! ;)

- cleber ! disse...

Achei Saiorse Ronan, demais - super irritante em "Desejo & Reparação" e por isso está ótima!

Kau Oliveira disse...

Boa lista!!!!

Michael Cera já é conhecido por mim. Ele fazia o seriado Arrasted Development e se dava MUUUUUUUITO bem, apesar de a série ser fraca.

Beijos!

Hugo Leon disse...

Tirando o Cera, que não não vejo nada demais nele, todos foram ótimos, sendo a melhor atuação pra mim destes a da Clarice.

Mayara Bastos disse...

Cleber, quando vi o filme me dava uma vontade de dar uns tapões nela por causa do que ela fez. rsrs. E Saoirse conseguiu transmitir isso.

Kau, obrigada. E você acredita que só vi um episódio desta série? rs. Realmente, conheci Michael na comédia "Superbad". Beijos!

Hugo, a Carice começou muito bem em "A Espiã", não podia deixá-la de fora.

Kamila disse...

Mayara, sua lista de revelações está perfeita. Particularmente, eu ficarei de olho nos próximos projetos de Cera, Van Houten, Ronan e Hall.

Beijos!

Wally disse...

Muito boa a lista! Ronan é um monstro! Acho ela genial e deve aparecer em mais de uma categoria minha, incluindo esta, claro. Sou meio chato nesta categoria no sentido que precisa REALMENTE ser o primeiro trabalho do ator, ou ao menos o segundo. Por isso Houten e Hall são desclassificadas, apesar de serem mesmo excelentes. Mas o elenco de Juno é outro primor.

Ciao!

Mayara Bastos disse...

Kamila, obrigado! E também ficarei bem de olho nos próximos projetos desse quatro talentosos. rs. Beijos!

Wally, obrigado! Saoirse é um monstro mesmo, rs! E também irá entrar em outra categoria do meu especial, ela merece. E entendo o que você falou sobre a categoria, que aliás estou anciosa para ver. E o elenco jovem de "Juno" é ótimo. Ciao!

Alex Gonçalves disse...

Eu sou um pecador: sou fã de Verhoeven e nem vi "A Espiã". Daí nem comprovei o talento de Carice van Houten como protagonista do filme. Eu não colocaria Saoirse Ronan e Rebecca Hall justamente por eu acreditar que elas se destacaram em seus filmes bem anteriores a dos lançados no Brasil em 2008. Mas eu adorei a lembrança da Olivia Thirlby, que eu também tinha colocado na minha lista :)

Beijos!

Mayara Bastos disse...

Alex, se fosse você veria logo "A Espiã", na minha opinião acho o melhor do Verhoeven e a Carice começou muito bem. E sobre Saoirse e Rebecca, achei que se destacaram mais nestes filmes. E não poderia esquecer da Olivia. ;) Beijos!