domingo, 27 de dezembro de 2009

Lua Nova


"Eu estava proibida de lembrar, mas com medo de esquecer... Afinal, de quantas maneiras um coração pode ser destroçado e ainda continuar batendo? Nos últimos dias, eu tinha passado por muitas experiências que poderiam ter acabado comigo, mas isso não me deixou mais forte. Ao contrario, eu me sentia horrivelmente frágil, como se uma única palavra pudesse me despedaçar." Este é um trecho de Lua Nova, o segundo volume de uma série de livros escritos pela então desconhecida autora Stephenie Meyer. Depois do começo em Crepúsculo e tom de independente do filme, este segundo tem uma história mais madura e mostra bem sobre os conflitos sobre a perda do grande amor.

O filme mostra a heroína Bella Swan (Kristen Stewart), que acaba de completar 18 anos e seu namoro com o vampiro Edward Cullen (Robert Pattinson) está fluindo bem. Quando ela ganha um festa de aniversário da "família" de seu amado, acaba sofrendo um acidente, que faz com que Edward decide terminar seu relacionamento com Bella, com esta se amargando em uma profunda depressão.

Mas esta baixa estima acaba aos poucos quando ela acaba aproximando-se mais de Jacob Black (Taylor Lautner). Depois dessa amizade crescer, além de estar viciada em adrenalina, Bella também descobre um dos segredos de Jacob, que é um lobisomem e inimigos ancestrais do vampiros.

Lua Nova ganha pontos por ser mais maduro que seu filme anterior, em parte técnica. Destaques ficam por conta da trilha sonora, com destaque para a instrumental composta pelo francês Alexandre Desplat, em mais um belo trabalho. Neste quesito técnico se deve muito ao diretor Chris Weitz, conhecido pela também fantasia A Bússola de Ouro. Mas os efeitos visuais e o roteiro, com alguns trechos importantes que acabaram de fora ou com alguns conflitos não muito explorados dificultam um pouco a fluidez do filme, mas sem tirar méritos.

Lua Nova tem suas falhas, mas serve como um bom entretenimento, mas isso não é problemas para fãs cativos da saga (com todo o respeito, prefiro a literatura). Tecnicamente, é melhor que Crepúsculo e esperamos um bom filme-pipoca, e só. Mas primeiro, aconselho a se aventurar aos livros, que acabam trazendo uma qualidade muito superior a película.

Cotação: 7,0

Título Original: The Twilight Saga: New Moon
País de Origem/Ano de Produção: EUA, 2009
Direção: Chris Weitz
Roteiro: Melissa Rosenberg, baseado em livro de Stephenie Meyer
Elenco: Kristen Stewart, Robert Pattinson, Taylor Lautner, Ashley Greene, Michael Sheen, Dakota Fanning, Billy Burke, Cameron Bright, Anna Kendrick, Peter Facinelli, Rachelle Lefevre.

14 comentários:

Yuri Dias disse...

Não sou fã da franquia, acho os livros muito fraco (estou lendo o terceiro agora, puramente para saber o final e treinar o inglês) e não estou com pressa para conferir o segundo filme, até porque achei sua versão literário muito maçante, espero que o filme tenha dando um "up" assim como fizeram no primeiro, com mais cenas de ação.

Beijos

Reinaldo Glioche disse...

Para variar vc "olha" para o filme com muito equilibrio e serenidade.

Luis galvão disse...

Desplat é um grande músico, um dos meus favoritos. Mas achei o trabalho dele não muito haver com o filme. Em Crepúsculo a gente tinha bandas alternativas de rock coisas mais pesadas, mas eu achei eu Desplat 'amaciou' um pouco demais a fórmula. No entanto, no geral, o filme é melhor que o primeiro e mistura romance e aventura na proporção certa.

Vinícius P. disse...

Não espero mais do que uma boa diversão. Gostei do primeiro (apesar das críticas, o romance me agradou) e esse segundo recebeu comentários nada positivos, mas mesmo assim quero ver...

Kamila disse...

Eu gostei muito de Lua Nova por uma simples razão. Acho que a roteirista soube fazer uma boa transposição da história para a grande tela. Os melhores momentos do livro estão ali. Adorei a introdução maior do Jacob!

Agora, fica a expectativa pela adaptação de "Eclipse", o melhor livro da série, na minha opinião!

Mayara Bastos disse...

Yuri, este é bem superior que "Crepúsculo", mas veja sem compromissos. Beijos! ;)

Reinaldo, muito obrigado. ;)

Luís, concordo sobre o filme, mas me surpreendi nos créditos antes de ver o filme, o nome do Desplat, mas gostei muito do trabalho dele no filme, um dos pontos positivos do filme. ;)

Vinícius, veja sem compromisso, mas se gostou muito de "Crepúsculo", com certeza vai gostar de "Lua Nova". ;)

Kamila, concordo com o que disse. E realmente, Jacob se destacou mais mesmo. E adorei ler "Eclipse", também o achei o mehor dos três, só falta "Amanhecer". ;)

Pedro Henrique disse...

Bah, esqueci de colocar Lua Nova na minha lista dos piores do ano.

Abs!

Mayara Bastos disse...

Pedro, rsrsrsrs. Então mude antes que o ano acabe, rsrsrsrs. Abraços. ;)

Eri Jr. disse...

Mayara, obrigado pela participação lá no blog!

E concordo com você, também prefiro a literatura. O caso de Crepúsculo/Lua Nova, é o mesmo de Harry Potter. Livros superiores às suas adaptações cinematográficas!

Sem falar que Harry Potter é superior à Crepúsculo nos dois quesitos (fã que é fã, não perde a oportunidade de alfinetar)!

hehehehe

Abraços.
Eri Jr.

ragingblog disse...

olá! pô... confesso que após assistir Crepusculo não fiquei com vontade de continuar acompanhando a saga... quem sabe um dia eu pegue o filme na locadora, mas acho que existem melhores opções no cinema!

até

Matheus Pannebecker disse...

Achei "Lua Nova" melhor que "Crepúsculo". Quer dizer, continua com suas falhas e sendo bem irregular, mas ao menos é mais assistível.

Otavio disse...

Odeio LUA NOVA... Hehe... FELIZ ANO NOVO, querida! Bjs!

Reinaldo Glioche disse...

Feliz ano novo Ma. E esse video de 7 minutos é sublime. Bjs

Wally disse...

Reconheço que esta "saga" é recheada de problemas, mas gosto tanto de "Crepúsculo" quanto de "Lua Nova". Acho que os erros do primeiro foram corrigidos neste mas, em compensação, alguns acertos foram diluídos. Destaco a trilha, a parte técnica, a direção fluída e a atenção dada às emoções. O grande problema é o roteiro, a meu ver.

Nota 7.0